redes-sociais.png.pagespeed.ce.7Po2kNEXpI

 

 

Se decidiu avançar para uma edição independente, as redes sociais são parceiras ideais para promover a sua obra, desde que saiba como fazê-lo de forma adequada, respeitando estes canais e quem lá se encontra.

 

 

 

 

1. Atenção às mensagens demasiado curtas.

As injunções do género “Compre o meu novo Romance” nunca darão vontade aos leitores de comprarem o seu livro!

 

2. Cuidado com as mensagens demasiado longas.

Não é preciso publicar um monólogo de 15 linhas para convencer seja quem for a adquirir o seu livro acabado de sair do prelo ou de ser publicado online. Após duas a três linhas, os seus leitores e potenciais compradores passam a outra notícia…

 

3. Fuja das mensagens idênticas.

Adapte as mensagens aos seus públicos e contextos. Não faz sentido escrever exactamente a mesma coisa num tweet e na página de fãs do seu livro.

 

4. Não se reduza ao texto.

Os seus seguidores gostam de imagens. Tire fotografias do seu livro, seja criativo e abandone a ideia de apenas comunicar com texto. Este já se encontra, e bem, no seu livro, certo?

 

5. Evite mensagens mal dirigidas.

O seu livro destina-se a um público de apaixonados por universos poderosos— romance histórico, romance policial, etc. Mantenha como prioridade dirigir-se ao universo que mais se adequa à sua obra. Enderece mensagens aos media, jornalistas e bloguistas desse mesmo universo. Verá aumentar exponencialmente as probabilidades de promoverem o seu livro.

 

6. Basta de mensagens impessoais.

Por trás de cada livro encontra-se… um autor, pois claro: uma personalidade. Dê-se a conhecer. O seu percurso, as suas novidades constituem informação que permite aos leitores conhecerem-no e criarem conversas online que darão vontade de o ler.

 

7. Deixe de publicar mensagens sem links.

Lembre-se de adicionar links para o seu blogue, a sua página Facebook, etc. Se não o fizer estará a desperdiçar o impacto da sua presença nas redes, e a gastar cartuchos digitais em vão.

 

8. Esqueça a publicação de mensagens destituídas de conteúdo.

É um autor, certo? Publica livros, logo conteúdos, verdade ? Para dar vontade de saber mais, é importante dar um pouco. Construa conteúdos sobre os seus livros, os seus ambientes, a sua escrita, etc.

 

9. Em nenhuma circunstância deixe de ser bem-educado.

Nunca, em circunstância alguma, publique nos murais de outras pessoas que não o conhecem e sem ter pedido autorização para o fazer.

 

10. Não se esqueça que menos é mais.

Evite enviar demasiadas mensagens sobre o mesmo assunto. A criatividade não se esgota na escrita do livro, ela é necessária para o divulgar. Diversifique as suas mensagens e procure ser o menos cansativo possível.

 

Partilhe este artigo:Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *